Argentina, Buenos Aires, Bariloche, Ushuaia, Córdova, Salta, Mendoza

 


Os pontos turísticos no caminho do Circuito Chico


Saiba tudo sobre o Circuito Chico em Bariloche. O Circuito Chico é definitivamente uma opção perfeita do que fazer logo no primeiro dia na cidade argentina. Isso porque nele você pode ter um panorama geral de Bariloche, já que o circuito percorre 65 km em aproximadamente 4 horas e passa por diversos pontos turísticos interessantes da região. Confira abaixo em detalhes como funciona o Circuito Chico, também conhecido como o circuito pequeno.

Circuito Chico em Bariloche

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito em Bariloche e na Argentina. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à Argentina vai sair mais barata do que imaginava e você poderá aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre o Circuito Chico.


Como é o Circuito Chico

O Circuito Chico sai da Avenida Ezequiel Bustillo, na altura do Centro Cívico de Bariloche. Ele segue a costa do famoso lago Nahuel Huapi em direção ao oeste. A primeira parada do passeio é o Cerro Campanário. Há duas formas de subir o Cerro, por meio de teleférico ou a pé. O teleférico que leva os turistas ao topo custa em torno de 140 pesos por pessoa. Caso você prefira caminhar, há trilhas até o topo que duram 30 minutos. A vista panorâmica da região nos diversos mirantes lá de cima é muito bonita e faz valer a pena a subida.

Como é o Circuito Chico

Seguindo viagem, no Puerto Pañuelo há dois passeios que são a grande atração do porto. Um deles segue para o Bosque de Arrayanes, no qual Walt Disney se inspirou para fazer o desenho Bambi, e a Ilha Victoria, que é a maior do lago e abriga diversas plantas diferentes. O outro passeio vai para o Puerto Blest e a Catarata dos Cântaros, que também são lugares maravilhosos. Os dois passeios custam, aproximadamente, 580 pesos. Pertinho do Puerto Pañuelo, você também poderá conhecer a Capela de San Eduardo, que foi construída em 1940, e o famoso e clássico Hotel Llao Llao, que é considerado um dos resorts mais luxuosos do mundo e de onde se tem uma linda vista do Lago Moreno e do Cerro Tronador.

Como é o Circuito Chico

Continuando o passeio, é possível se ter uma linda vista de cima do próprio Hotel Llao Llao, do Lago Escondido e da Bahía Lopez. Por fim, a última parada do Circuito Chico é a Colonia Suiza, que é uma pequena província oriunda da colonização europeia na região próxima ao Lago Moreno, onde você também pode dar uma volta. As casas são de madeira e rústicas, e a gastronomia ali é imperdível. Depois disso, só resta a volta para Bariloche.

Como é o Circuito Chico

Informações sobre o Circuito Chico

O Circuito Chico pode ser feito por meio de agências de turismo locais, o que custa mais ou menos entre 120 e 200 reais por pessoa dependendo da época do ano. Nesse pacote eles incluem um guia (que pode falar português, inglês ou espanhol) e o transporte. As saídas acontecem duas vezes por dia: uma às 09:00 e outra às 15:00  Também há a possibilidade de fazer o trajeto de bicicleta durante o verão, ou por transporte público. Mas, se você estiver indo para Bariloche ou qualquer outro canto da Argentina, vale muito a pena alugar um carro. Assim o passeio e as paradas podem durar o quanto você desejar e sem falar que ele também sai mais em conta. Se quiser, saiba tudo sobre o assunto aqui na matéria de Aluguel de carro em Bariloche com dicas incríveis e como conseguir um preço muito bom utilizando comparadores de preços excelentes.

Informações sobre o Circuito Chico

Use seu celular à vontade em Bariloche e na Argentina

Poder usar seu celular em Bariloche, na Argentina e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Argentina nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Argentina. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro em Buenos Aires, Bariloche, Córdoba, Mendonza e qualquer outro lugar da Argentina e do mundo inteiro, caso vá para outros países na mesma viagem. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre o Circuito Chico quando estiver lá.

Usar o celular em Bariloche e Argentina

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Bariloche

Agora que você já viu tudo sobre o Circuito Chico, uma dica legal e que faz a diferença na viagem à Bariloche é escolher bem a localização do seu hotel e se hospedar perto das melhores atrações turísticas e pistas de esqui. Se quiser, veja nossa matéria de onde ficar em Bariloche, que lá tem as dicas das melhores regiões para se hospedar e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço excelente (e achar hotéis excelentes em promoção nessas regiões que são super disputadas). Vale a pena caprichar na reserva do hotel em Bariloche.


Bariloche

Não se esqueça do Seguro Viagem para a Argentina

Uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando viajar para fora do Brasil é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional. Ele é importantíssimo e ninguém deve viajar sem um para evitar problemas no exterior. O que muitas pessoas não sabem é que ele é super barato. Veja nossa matéria de Seguro Viagem Internacional para Argentina com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Veja outras matérias legais de Bariloche:

O que fazer em Bariloche: Dicas do que fazer e conhecer na cidade. 
Pontos turísticos em Bariloche: Principais lugares turísticos para visitar.
Onde esquiar em Bariloche: Dicas das melhores estações e pistas para esquiar.

Postar um comentário

 
Top