Argentina, Buenos Aires, Bariloche, Ushuaia, Córdova, Salta, Mendoza

 


Confira um roteiro de 4 dias em Mendoza



Se você pretende ficar quatro dias em Mendoza, você poderá aproveitar muitos passeios que a cidade oferece. Confira a seguir um roteiro de 4 dias de viagem em Mendoza para facilitar a sua programação e você conhecer os pontos turísticos mais importantes da região. Caso queira saber sobre outros passeios, consulte a matéria sobre o que fazer em Mendoza.

Roteiro de 4 dias em Mendoza

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito na viagem à Argentina. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à Argentina vai sair mais barata do que imaginava e você poderá aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre roteiro de 4 dias em Mendoza.

Dia 1 em Mendoza

A cidade possui cerca de 1200 bodegas de vinho, algumas consideradas as melhores do mundo. O ideal é reservar pelo menos um dia para explora-las e nada melhor do que fazer isso no seu primeiro dia de viagem, pois você já conhecerá a essência de Mendoza. O jeito mais fácil de visita-las é comprando o passe para o Bus Vitivinícola, que pode ser adquirido online ou no Centro de Informações Turísticas de Mendoza. Este ônibus percorre os caminhos do vinho e rotas gastronômicas da cidade, passando pelas regiões Lujan de Cuyo, Tierra Malbec, Maipú e Valle de Uco. Através dele, o visitante pode conhecer as vinícolas da cidade de uma forma muito prática e com total liberdade de horário. Em cada parada é possível saber mais sobre a produção de determinado vinho, fazer degustações e comprar garrafas com desconto.

Bus Vitivinícola em Mendoza

Aproveite para almoçar em uma bodega quando estiver com fome, elas são muito famosas pela qualidade (e quantidade) de sua comida. Recomendamos que você faça uma refeição na Bodega La Azul no Valle de Uco, é uma bodega charmosa e rústica, com uma tradição de cultivo de vinhos que se estende há mais de 70 anos. Já o restaurante é moderno e despojado com uma decoração na cor azul. A refeição, dividida em 5 pratos e acompanhada de seus vinhos, agrada bastante os seus visitantes. Provavelmente quando você acabar o seu passeio já estará tarde, principalmente devido a longa viagem que você fará para voltar pro centro, por isso, recomendamos que você descanse para aproveitar o dia seguinte.

Bodega La Azul em Mendoza na Argentina

Dia 2 em Mendoza 

Aproveite o seu segundo dia para conhecer melhor o centro da cidade, já que ele reserva ótimos pontos turísticos. Comece dando um passeio pelo Parque General San Martín, um dos maiores parques da Argentina e o mais antigo de Mendoza, existindo há mais de um século. Antigamente ele era um enorme deserto, mas hoje possui uma grande diversidade de plantas e árvores que o tornam um verdadeiro jardim botânico. Em seu interior existem monumentos, teatro, igreja e um morro, chamado "Cerro de la gloria" que é um lindo mirante da cidade de Mendoza. 

Parque General San Martín em Mendoza na Argentina

Perto da região central existem ótimas opções de lugares para almoçar. O Bistrô María Antonieta é muito procurado pela qualidade de sua comida. Ele é um bistrô informal, com mesas ao ar livre e uma linda decoração. A comida é inspirada nas cozinhas italiana, francesa e argentina, e apesar de não ter uma grande variedade de pratos no cardápio, todos são muito apreciados. Um dos seus diferenciais é que a cozinha é aberta e todos têm oportunidade de acompanhar o preparo das receitas do cardápio. Após o almoço, você pode fazer um passeio pela Plaza Independencia, a maior praça da cidade, muito frequentada por turistas devido sua a Feira de Artesanato, as apresentações artísticas e as fontes dançantes e luminosas. 

Bistrô María Antonieta em Mendoza na Argentina

Dia 3 em Mendoza 

Em seu terceiro dia na cidade, acorde cedo para conhecer de perto a maior montanha da América Latina, o Teto das Américas. Para avista-la, junto com a Cordilheira dos Andes em um visual magnífico vá visitar o Parque Aconcágua. O ideal é contratar uma agência de turismo para guiar o passeio, pois além da distância de 3 horas de viagem, é melhor ter alguém para guiar as trilhas no parque, pois ele tem a imensidão de 70 mil hectares. Além disso, com um guia, você pode compreender melhor as formações rochosas e a história da região. É recomendável levar um lanche para o parque, pois o passeio pode demorar.

Parque Aconcágua em Mendoza na Argentina

Após as trilhas, aproveite para descansar nas águas termais do Termas da Cachueta, um complexo de piscinas naturais com cerca de 42 graus no meio das montanhas. Elas fazem parte do Hotel & Spa Termas de Cachueta, que oferece um serviço de translado para o hotel que o viajante estiver hospedado e um sistema de all inclusive, em que você pode aproveitar para fazer uma refeição ou comer petiscos.

Termas de Cachueta em Mendoza na Argentina

Dia 4 em Mendoza

Agora que você já conheceu toda a cidade, é legal conhecer a sua história. Por isso, recomendamos que em seu último dia na cidade, você visite o Museu da Área Fundacional de Mendoza. Ele possui pinturas e esculturas de artistas locais, além de documentos e maquetes que contam a história da cidade. O museu também protege restos arqueológicos de instituições destruídas pelo devastador terremoto do ano de 1861. Outro museu no centro da cidade que vale a pena conhecer é o Museo Municipal Arte Moderno. Ele conta com diversas pinturas, esculturas, gravuras e cerâmicas de artistas argentinos, como Bermi e Spilimbergo e um espaço de acervo temporário com artistas contemporâneos nacionais e internacionais.

Museu da Área Fundacional em Mendoza

Em seguida, você pode conhecer o Parque Central de Mendoza, também na área central da cidade. Este parque se localiza no mesmo terreno da antiga estação de trem Railway General San Martín. Ele possui uma imensa área verde, onde estão um enorme relógio de sol e um lago, simbolizando a importância na água em uma área semi-desértica. No parque se realizam diversas atividades ao ar livre, tanto culturais como esportivas. Finalmente, você pode terminar o seu dia e a sua viagem fazendo uma refeição em um dos melhores restaurantes de Mendoza: o 1884 Restaurante Francis Mallmann, que pertence a um dos mais famosos chefs argentinos, Francis Mallmann. Ele possui um ambiente clássico e sofisticado, e os seus pratos típicos da região podem ser feitos em 3 mesas de fogo. 

1884 Restaurante Francis Mallmann em Mendoza

Use seu celular à vontade na Argentina

Poder usar seu celular em Buenos Aires, Bariloche, na Argentina e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à Argentina nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Argentina. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro em Buenos Aires, Bariloche, Córdoba, Mendoza e qualquer outro lugar da Argentina e do mundo inteiro, caso vá para outros países na mesma viagem. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre roteiro de 4 dias em Mendoza quando estiver lá.

Usar o celular em Buenos Aires e Argentina

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Argentina

Agora que você já viu tudo sobre roteiro de 4 dias em Mendoza, uma dica legal para quem vai para a Argentina conhecer outras cidades além de Buenos Aires, é que como os pontos turísticos, cidades, parques naturais, desertos, outlets e todas as atrações ficam bem afastadas, alugar um carro é uma ótima opção. Sem falar que com um carro você pode conhecer outras cidades da Argentina que são próximas, explorar suas estradas que são lindas e as paisagens e lugares naturais pelo caminho que são incríveis. Se quiser, saiba tudo sobre o assunto aqui na matéria de Aluguel de carro na Argentina com dicas incríveis e como conseguir um preço incrível utilizando comparadores de preços excelentes.

Buenos Aires na Argentina

Não se esqueça do Seguro Viagem para a Argentina

Uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando viajar para fora do Brasil é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional. Ele é importantíssimo e ninguém deve viajar sem um para evitar problemas no exterior. O que muitas pessoas não sabem é que ele é super barato. Veja nossa matéria de Seguro Viagem Internacional para Argentina com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Veja outras matérias legais da Argentina:

O que fazer em Buenos Aires : Dicas do que fazer e conhecer na cidade. 
Como levar dinheiro para a ArgentinaMelhores formas de levar seus pesos argentinos.
Cidades turísticas da Argentina: As cidades argentinas mais famosas e visitadas.
Como achar hotéis muito baratos na Argentina: Incrível pesquisador e dicas excelentes.

Postar um comentário

 
Top